Buscar

Visagismo Mitos e Verdades

Segundo protocolo



Visagismo - Mitos e Verdades


Vejamos se fica claro o que explano aqui sobre o assunto.

Tenha você em mente o seguinte : Quando falamos de cortar cabelo,colorir, desenhar esteticamente um projeto seja em que ramo for da beleza e da estética, estamos falando de algo que envolve uma linguagem mais subjetiva, do que objetivamente linear. Poucas pessoas entendem que revelar beleza por meio de um corte de cabelo envolve certos tipos de inteligências, como a espacial, por exemplo. E que somente com prática e estudo, é que desenvolvemos. Vejam o que Howard Gordner fala sobre as inteligências múltiplas, para entender do que estou falando.

Por que é tão difícil entender visagismo? Por que ele não é tão linear e previsível como achamos. Dentro desse conceito estão estudos avançados da neurociência, da psicologia, sociologia, neurologia e linguagem visual ou linguagem dos símbolos, no caso os arquétipos por trás das imagens. Então quando o Phlillip Hallawel traz o visagismo para o campo da estética sabia que seria um desafio para os profissionais que trabalham apenas com a ideia de que tudo é físico, e sensorial. Então se pega o conceito visagismo e imagina que basta colorir o cabelo num tom bonito, socialmente aceitável e fazer belos cortes que estejam nos padrões da moda e já temos visagismo. Isso aí passa muito longe do que o visagismo vem propor.

A falta desse conhecimento tanto para clientes como para profissionais da beleza e da estética tem gerado a cada dia que passa, uma lacuna no mundo do embelezamento. As pessoas vão aos salões para saírem bonitas e continuam depressivas, se achando feias, gordas, inadequadas. Então quando um cliente olha para mim e diz :eu entendi o que é visagismo, sua imagem melhora, sua busca se realiza. Mas isso não acontece já na consultoria feita apenas uma vez. Perceba você que tudo na vida é um processo e que assim sendo, ninguém tem árvore de um dia para o outro, certo? Então, seria demais, pensar que vamos compreender todo o processo do conceito visagismo, algo que envolve anos a fio de estudos, pesquisas, em apenas um hora de consultoria. Percebe para onde pende a situação?

Por que a pessoa que faz uma consultoria Visagista não retorna para resenhar o estilo do corte? Uma das hipóteses é a possibilidade de ela não ter entendido nada do que passei durante a consultoria.

Por que não houve mudança, para melhor na imagem após a consultoria Visagista?

Possivelmente porque a pessoa não estava totalmente aberta para receber e abraçar as informações que chegaram com o que aconteceu na consultoria.

Percebam ainda o que venho falando em tantas postagens minhas, que beleza está acima dos termos - compra e venda, ou seja, a pessoa, o humano é mais importante que o cliente. Compreendem isso?

Os poucos clientes que atendi e que deram o tempo necessário para entender e sentir os efeitos do poder do visagismo, tiveram mudanças positivas.

Os relatos são inúmeros. Os que passam nas entrevistas de emprego, os que defendem doutorados, os que estudam para os exames, vestibulares, o que dirigem empresas. Os vendedores, os atores, os palestrantes. Os casos em que muitos melhoram o estado depressivo e retomam as rédeas da vida. Enfim, isso quer dizer que quando o Visagismo é canalizado e impermeado pelo indivíduo, ele sente isso e vê os resultados.

Acompanhe a última parte desse assunto o próximo artigo. O protocolo III

25 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Fale Conosco

Seg: à sab   09:30 - 21:30

Rua Gandavo, 41 Vila Mariana SP      

Contato (11)3486-9373 

Reservas com Marcio Lima

 Whatsapp 11 98165-1633

CONVÊNIO COM ESTACIONAMENTO